h1

Entrevista CIO da Copa do Mundo 2010

junho 5, 2010

Estava lendo a InformationWeek Brasil ,e gostei muito da entrevista que estou colocando os melhores trechos aqui :

WB – Desde quando você está responsável pelas iniciativas de TI do comitê organizador da Copa?

Moholi – Há mais ou menos dois anos.

IWB – Como fica a definição da estratégia para um evento desse porte?

Moholi – Há dois tivemos uma amostra do que teríamos durante a Copa do Mundo. Adquirimos um conhecimento profundo dos vários elementos que compõem um evento dessa magnitude durante a Copa das Confederações. Observamos como funcionam os processos, as estratégias, o plano operacional, como conduzir um evento, como se dão as rotinas, como lidar com questões como documentos, por exemplo. Os preparativos e resultados que verificamos a partir daquela “prévia” nos ensinaram lições valiosas para colocarmos em prática durante o evento.

IWB – O que você considera como pontos mais críticos encontrados na montagem do aparato de TI?

Moholi – Eu vou falar por parte da organização de TI local. Para mim, a rede é a parte mais crítica. Penso que a maneira como ela é projetada e se conectada para garantir redundância e manter-se operando. Justamente por isso, precisamos de uma infraestrutura potente. Conversei com nossos provedores para assegurar que ela será capaz de suportar todos os sistemas.

IWB – Como você trabalha esses pontos críticos no momento da Copa do Mundo?

Moholi – Para me certificar das coisas que são necessárias, realizaremos reuniões operacionais diariamente. Pela manhã, examinamos o que deu certo no dia anterior, os nossos desafios e o que ainda precisa ser feito. Assim, avaliamos o que aconteceu, definindo pontos que precisam ser trabalhados. De fato gasta-se muito tempo na preparação do evento para, durante os jogos, focamos bastante na manutenção das operações. Planejando o dia, revisando as atividades, antecipando ações e estando preparado para recuperar-se caso algo saia do esperado. Essa é a rotina.

IWB – Que aprendizado você teve até agora?

Moholi – Acho que se fosse dar aos brasileiros algum conselho, seria: deve-se gastar muito tempo planejando um evento como a Copa do Mundo. Pensando e entendendo o que precisa ser feito. Conforme avançamos, e a Copa das Confederações serve bem para dar uma dimensão do pé que estão as coisas, compreendemos os componentes necessários para o sucesso. Tendo claros os objetivos, traçada a estratégia e como ela será colocada em prática, a tecnologia deixa de ser a parte complicada do processo. Tudo depende sempre do planejamento. Uma vez tendo sido decidido o que se quer, o resto transforma-se na parte fácil do trabalho.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: